Últimas Notícias
Capa / COLUNISTAS / Colunista Letícia Sobreira – Post de Inauguração

Colunista Letícia Sobreira – Post de Inauguração

POST DE INAUGURAÇÃO

Observar o jogo falido de alguns políticos em épocas de pré-campanha é realmente algo interessante, que aprendi a fazer cedo. Talvez por sorte, talvez por necessidade. De qualquer forma, é notório nas timelines da vida que o cenário do eleitorado municipal tem apresentado mudanças, ainda que tardiamente, ainda que em minoria. Seja como for, vejo isso com lentes otimistas.

No entanto, nem todos têm a capacidade de enxergar as pequenas mudanças do posicionamento dos eleitores leopoldinenses. De maneira especial, os grandes políticos da cidade parecem estar inertes diante do passar dos tempos. A maioria deles, talvez por terem se formado em meio à lógica da indústria sucroalcooleira, adotaram os métodos dos nossos antigos coronéis. Aqui, na terra da princesa, ou na terra da cana-de-açúcar, os poderosos creem deter poder sobre tudo por meio do chicote que açoita e do dinheiro que compra.

A exatos quatro meses das eleições, o que temos vivido no município é uma recente onda inaugurações e reinaugurações, de visitas e promessas nas comunidades, e também as festividades “da juventude”. É de conhecimento geral que nenhuma dessas ações e organizações está se dando de maneira natural e espontânea. Tudo que está acontecendo e se intensificará nos próximos dias não passa de artimanha e equilíbrio de interesses.

Mas o que tenho sentido em algumas últimas vivências tem me feito não deixar morrer a esperança de dias melhores para nossa Colônia. Os dias melhores aos quais me refiro não estão aqui para dizer que os atuais são ruins, estão sim para dizer que melhorias são necessárias sempre. Ora, onde está escrito que se deve acostumar-se com pouco?

Hoje deixo aqui registrado por essas linhas que o jogo de anos passados – ou eleições passadas – não funciona mais. A conscientização de que um trocado não vale um voto já é grande. Engana-se aquele que acha que compra fidelidade com cédulas, em qualquer classe social. Felizmente, hoje posso dizer que a população não sofre de memória curta. Felizmente, as pessoas têm gradativamente se aberto mais ao diálogo e à discussão em busca de melhorias. O que vai ser infeliz mesmo será olhar para a urna eletrônica e ver tantos retratos de passado.

Sobre Letícia Sobreira

Leopoldinense, 19 anos, estudante de jornalismo na Universidade Federal de Alagoas.

Um comentário

  1. Flavio Pimentel

    Concordo que os tempos estão mudando. Talvez tenha sido uma estratégia da atual prefeita realizar tantas inaugurações e reinaugurações no último ano de seu atual mandato ou talvez tenha sido apenas por dificuldades em organizar a casa tendo em vista que pegou a prefeitura em situação financeira precária. Mas como diz o ditado: “Antes tarde do que nunca”. As conquistas que a prefeita Paula Rocha está realizando nesse último ano de seu atual mandato, gestores que a antecederam não fizeram metade do que ela está fazendo. Ex: O calçamento de ruas históricas do município, tomo o Caboje como exemplo, a construção de 4 unidades de saúde, ginásio e etc tudo isso eu chamo de progresso e melhorias.

    Quanto aos outros candidatos, pergunto: Porque trocar o certo, pelo duvidoso? Eu voto pela continuação do bom trabalho embora saiba que muito ainda precisa ser feito, e por isso, que a prefeita almeja mais 5 anos para poder continuar realizando o sonho de muitos leopoldinenses.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Por Letícia Sobreira

Todos (36)