Últimas Notícias
Capa / COLUNISTAS / Indignação

Indignação

O CAPS encontrava-se vazio – vazio de usuários, de trabalhadores da saúde mental, de pessoas….

13219861_1115768971815262_1142038550_nEstá se aproximando o dia 18 de maio, o Dia Nacional de Luta Antimanicomial, que foi instituído após profissionais da saúde mental, cansados do tratamento desumano e cruel dado a usuários do sistema de saúde mental, organizarem o primeiro manifesto público a favor da extinção dos manicômios durante o II Congresso Nacional de Trabalhadores da Saúde Mental realizado em 1987, na cidade de Bauru/SP. Naquela manifestação, nasceu o Movimento Antimanicomial.

Como acadêmico do curso de Psicologia, não poderia deixar esmorecer o balançar dessa bandeira, não poderia deixar de me engajar nesta luta, principalmente na minha cidade e dizer que é importantíssima a mobilização e a participação social.

Hoje pela manhã estive no Centro de Atenção Psicossocial Leopoldinense – CAPS, por volta das 11 horas. Fui pelo interesse de conversar com o responsável pelo serviço e saber se há programação ou ação referente este dia, além de saber da possibilidade de me engajar no grupo e promover a atividade junto deles.

No entanto, infelizmente, o CAPS encontrava-se vazio – vazio de usuários, de trabalhadores da saúde mental, de pessoas…. Isso mesmo, não havia ninguém no CAPS. Ou seja, não fui atendido na recepção, não tinha com quem conversar sobre a minha proposta, como também não tinha quem me explicasse o que estava acontecendo, o porquê do CAPS estar vazio. Além disso, foi flagrante a facilidade de alguém ter acesso ao interior da unidade e roubar objetos do local.

Expresso aqui a minha indignação ao modo como está sendo gerido o serviço, uma vez que o Ministério da Saúde e a Política de Saúde Mental que rege os Serviços de Atenção à Saúde Mental são bem claros quando dizem que os Serviços de Atenção à Saúde Mental devem dispor de: Porta Aberta, Acolhimento, Grupos terapêuticos, Atendimento individual, familiar, Oficinas, Espaço de Convivência, Equipe Multidisciplinar (funcionamento transdisciplinar), adaptação às demandas e às necessidades do território, Assembleia e Conselho Gestor – controle social.

Sobre Jardiael Herculano

Leopoldinense, 21 anos, estudante de Psicologia no Centro Universitário CESMAC.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Por Jardiael Herculano

Todos (3)